Dicas de economia de água

posted by amoura @ 5:28 PM
28 de março de 2013

A água que chega até a sua casa é tratada e custa dinheiro público. Por isso todo desperdício sai caro para o município e para o usuário. A água é fundamental para a saúde, para a higiene e para a alimentação. Temos que economizá-la, ao máximo, principalmente no verão, quando o calor deste período faz o consumo aumentar em até 30% em relação às outras estações do ano.

  •  Feche o chuveiro enquanto for passar o sabonete. Quem não tem esse hábito gasta de 12 a 20 litros de água por minuto. E se deixar o chuveiro pingando são desperdiçados 46 litros por dia.
  • Ao lavar as louças da cozinha não deixe a torneira aberta o tempo todo porque o desperdício pode ser de até 105 litros. O ideal é ensaboá-las e, depois, enxaguar tudo de uma só vez.
  • Na hora de beber água sirva o suficiente para que não haja a necessidade de jogar fora o restante. É preferível encher o copo aos poucos.
  • Na hora da faxina troque o uso da mangueira por vassoura e balde; esse cuidado pode gerar uma economia de até 250 litros de água.
  • Acumule roupas sujas na área de serviço e lave-as todas de uma só vez utilizando o modo ‘suave’ da máquina de lavar, caso não estejam muito sujas. A ação poupará energia.
  • Regue as plantas preferencialmente à noite ou no início da manhã, pois nessas horas mais frias, as plantas absorvem menos água para sobreviver.
  • Lavar o carro com uma mangueira gasta até 560 litros de água em 30 minutos. Quando precisar lavá-lo, opte por usar um balde ou a nova modalidade de lavagem a seco, que só precisa de 250ml do recurso.
  • Elimine os vazamentos verificando o hidrômetro da casa, os canos alimentados diretamente pela água da rua e pela caixa d´água e os reservatórios subterrâneos de edifícios. Um buraco de 2 mm em um cano desperdiça até 3.200 litros de água em um único dia. E quando viajar feche o registro de água.
  • Só consuma frutas da estação. Lembre-se que para se cultivar uma fruta fora de sua época são necessários muitos litros de água.
  • Quem tem piscina em casa o ideal é cobri-la quando não for utilizada, assim,evita-se a evaporação da água.
  • A palavra de ordem, hoje, é reaproveitar. Se possível, instale um sistema de reaproveitamento de água em casa ou mesmo utilize um balde comum. Assim, a água do banho pode servir para a descarga, a da máquina de lavar pode ser útil para limpar a calçada e a que foi usada para lavar as verduras pode irrigar o jardim.

 

Fonte: Portal Eco Desenvolvimento

Leave a Reply