A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) lançou edital, também, para estudos de alternativas que tornarão perene o Rio Jacaré, situado na microrregião de Irecê (BA). A perenização beneficiará cerca de 450 mil habitantes em 23 municípios baianos atingidos pela seca.

Segundo o presidente do Comitê das Bacias Hidrográficas dos Rios Verde e Jacaré (CBHVJ), Ednaldo Campos, os estudos vão diagnosticar a situação atual da bacia do Rio Jacaré e propor ações para incrementar a oferta de água nessa região semiárida. Entre as alternativas a serem estudadas estão o bombeamento da água no refluxo do Rio São Francisco, ou seja, no fluxo contrário ao da nascente, e a construção de um canal a partir do São Francisco para alimentar o Rio Jacaré.

“Esses estudos irão proporcionar à sociedade meios para que se definam com clareza os limites de exploração tanto para a irrigação como para a manutenção do rio vivo, evitando a exploração predatória que vem ocorrendo”, afirma o dirigente do comitê.

Ele explica que a alimentação do Rio Jacaré com a água do Rio São Francisco possibilitará o equilíbrio do lençol freático, a recuperação dos poços e o repovoamento de espécies da ictiofauna nativa (e, com isso, a piscicultura), além do abastecimento humano e animal das comunidades, a realização de pequenos projetos de irrigação e a implantação de pequenas indústrias de processamento de frutas.

O Rio Jacaré, também chamado de Vereda Romão Gramacho, nasce entre os municípios baianos de Barra do Mendes e Seabra. Ao longo dos seus 250 km de extensão, o rio passa por diversos municípios da Bahia e deságua no São Francisco, na barragem de Sobradinho, no município de Sento Sé. Devido à estiagem e à degradação ambiental como desmatamentos, queimadas, assoreamentos e barramentos não orientados, o rio está praticamente seco. A bacia do Rio Jacaré ocupa uma área de 18.328 km² e atende diretamente os municípios de Ibitiara, Seabra, Brotas de Macaúba, Souto Soares, Barra do Mendes, Ipupiara, Mulungu do Morro, Barro Alto, Bonito, Cafarnaum, Canarana, Ibipeba, Ibititá, América Dourada, Morro do Chapéu, João Dourado, Lapão, São Gabriel, Jussara, Itaguaçu da Bahia, Ourolândia, Umburanas e Sento Sé.

2 Responses to “Perenização do Rio Jacaré beneficiará 23 municípios atingidos pela seca”

  1. Confira as notícias publicadas em 30.04.13 | CBH São Francisco  Says:

    […] Perenização do Rio Jacaré beneficiará 23 municípios atingidos pela seca – 29.04.13 A Tarde Online […]

  2. altamirando camacam  Says:

    Projeto de alta significação para o desenvolvimento baixio de Irece.(Altamirando Camacam, nascido em Curralinho do jacaré, São Gabriel)

Leave a Reply